Frases Para Rotating Header Image

Frases de Chico Xavier

“Que eu não perca a vontade de doar este enorme amor que existe em meu coração, mesmo sabendo que muitas vezes ele será submetido a provas e até rejeitado.”

“O ódio não é senão o próprio amor que adoeceu gravemente.”

“O amor não prende, liberta! Ame porque isso faz bem a você, não por esperar algo em troca. Criar expectativas demais pode gerar decepções. Quem ama de verdade, sem apego, sem cobranças, conquista o carinho verdadeiro das pessoas.”

“Fico triste quando alguém me ofende, mas, com certeza, eu ficaria mais triste se fosse eu o ofensor… Magoar alguém é terrível!”

“Sonhos não morrem, apenas adormecem na alma da gente.”

“Não há problema que não possa ser solucionado pela paciência.”

“Sinceridade é a verdade com amor.”

“Eu permito a todos serem como quiserem, e a mim
como devo ser.”

“Viver é sempre dizer aos outros que eles são importantes.
Que nós os amamos, porque um dia eles se vão e ficaremos com a impressão de que não os amamos o suficiente.”

“O que crê, apenas admite, mas o que se ilumina, vibra e sente.”

“Não há virtude, rigorosamente falando, sem vitória sobre nós próprios, e nada vale o que nada nos custa.”

“Com intelectualidade pura cria-se invejosos, com o coração cria-se amigos.”

“O vício tem somente como recompensa o arrependimento.”

“As mulheres estão descobrindo que mulher é bom – coisa que os homens já sabem há séculos.”

“Uma das mais belas lições que tenho aprendido com o sofrimento: Não julgar, definitivamente não julgar a quem quer que seja.”

“O Cristo não pediu muita coisa, não exigiu que as pessoas escalassem o Everest ou fizessem grandes sacrifícios. Ele só pediu que nos amássemos uns aos outros.”

“Se tiver que amar, ame hoje. Se tiver que sorrir, sorria hoje. Se tiver que chorar, chore hoje. Pois o importante é viver hoje. O ontem já foi e o amanhã talvez não venha.”

“Escapamos da morte quantas vezes for preciso, mas da vida nunca nos livraremos.”

“A caridade é um exercício espiritual. Quem pratica o bem, coloca em movimento as forças da alma.”

“A criança desprotegida que encontramos na rua não é motivo para revolta ou exasperação, e sim um apelo para que trabalhemos com mais amor pela edificação de um mundo melhor.”

Biografia

Francisco de Paula Cândido Xavier, nasceu no dia 2 de abril de 1910 na cidade de Pedro Leopoldo.

A mãe de Chico faleceu quando ele tinha 5 anos de idade, então o pai, pobre e incapaz de criar os nove filhos, entregou-os a parentes e amigos. Chico ficou aos cuidados da madrinha, que o maltratava, agredindo-o e vestindo-o de mulher, o menino apresentava sinais de mediunidade desde os 4 anos, um motivo a mais para a madrinha, que dizia que o garoto tinha o diabo no corpo, bater nele.

João, pai de Chico, casou-se novamente e voltou a criar os nove filhos, junto aos outros seis que teve com a segunda esposa. Chico começou a estudar e trabalhar para ajudar nas despesas de casa.

A mediunidade de Chico continuou, o que causou preocupação do pai, que pensou até em interná-lo, mas o padre Sebastião Scarzelli, seu orientador, recomendou apenas menos leitura e mais trabalho.

Aos 17 anos de Chico sua madrasta faleceu e uma das irmãs dele começou a demonstrar insanidade. A contribuição dele foi muito importante junto à reuniões espíritas para a cura da irmã.

Após receber mensagens da mãe, orientando a estudar e cumprir deveres, Chico ajudou a fundar o Centro Espírita Luiz Gonzaga e foi a partir daí que começou a receber manifestações de poetas já falecidos. Em 1928 publicou as primeiras psicografias.

Em 1932 publicou pela Federação Espírita Brasileira a obra Parnaso de Além-Túmulo, a coletânea de poesias causou grande repercussão, mas causou opiniões boas e ruins.

Foram mais de 400 os livros publicados por Chico Xavier, livros estes que foram todos doados por ele. O dinheiro arrecadado com a venda dos livros não era aceito por Chico, que dizia apenas reproduzir o que os espíritos diziam.

Chico Xavier faleceu aos 92 anos de parada cardiorrespiratória, no dia 30 de junho de 2002.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>